O Irritante

Não sou um adepto fanático, nem tão pouco um simpatizante fervoroso mas possuo os conhecimentos futebolísticos suficientes e a sensação inexplicável de que aquela camisola também é minha para poder dizer que sou sportinguista. Claro que não levo isso ao extremo e que, passo bem sem ver um jogo do meu clube se tiver algo bem mais interessante para fazer (tal como passar um domingo relaxante com a minha tripeirinha). Contudo, dá-me um gozo imenso achincalhar as pessoas. Qualquer uma, incluindo a minha própria família. E ainda me dá mais gozo quando essa pessoa passa a vida a achincalhar-me a mim. É nesse sentido que acabo de enviar uma mensagem ao meu sogro com o seguinte texto:

"Então sr. Nélson, como se sente nesta 2ª feira chuvosa? Sabe que a chuva deixa os campos mais VERDINHOS?"

Claro que a minha falsa subtileza vai ter resultados. Já amanhã, quando for jantar a sua casa. E o tema vai ser futebol, e eu vou perder a argumentação, mas não interessa porque ganhámos o jogo. E a vitória foi duplamente sentida porque, para além do Sporting ter ganho (com números expressivos), o FC Porto perdeu.

PS: E com isto também acabei de irritar a filha do meu sogro.

Update: Recebi um telefonema cuja primeira frase foi: "Queres que te f%$& pá?"
publicado por Mário às 11:29 | link | comentar | partilhar