A semana dos portugueses

No suplemento Única do Expresso de 29/03, o artigo principal é dedicado à "Semana dos Portugueses" em Lloret de Mar, o destino da moda no que toca a viagens de finalistas do ensino secundário. 
Há cerca de 4 ou 5 anos, também eu embarquei nessa semana louca a Lloret , ora pois então... Na altura, autodestruir-me em 5 dias fazia todo o sentido e, não releguei essa função a terceiros. Um dos episódios mais interessantes de que me recordo, foi, quando numa tarde em que ainda acordei bêbedo da madrugada anterior, bebi meia garrafa de whisky sem comida no estômago e dirigi-me a uma sala de jogos. Como se já não tivesse sido parvo por tudo isto, decidi competir com uns alemães na máquina dos socos. Ganhei, mas em vez de socar o alvo almofadado, acertei na barra metálica, tal não era a distorção da realidade que ia nesta cabeça. Resultado: três dedos esfrangalhados e uma ligadura ao peito.
Outro igualmente giro, foi quando as minhas companheiras de quarto saíram e levaram a chave, e eu, tive de saltar de varanda em varanda num 10º andar.
Mais um, foi quando roubámos/desviámos uma bola de futebol numa loja de marroquinos de forma espectacular, sublinho, espectacular. Parecia um spot da Nike, com um grande grupo de pessoas a dar ligeiros toques no esférico em direcção à porta e o último, a pontapeá-la com força para longe.
 

Estes apontamentos não visam desculpabilizar os magotes de putos que, durante aquela semana se embebedam à parva, ultrapassam os limites da lei e acham que, por consumirem estupefacientes são os maiores lá da aldeia. É só para verem que gente extremamente inteligente, bela, sensual ("e humilde!!!" - grita o senhor lá ao fundo) também já cometeu os seus actos de loucura. 

publicado por Mário às 20:10 | link | comentar | partilhar