O processo de abandonar o ninho II

Estou prestes a mudar de vida. A partir deste fim-de-semana torno-me totalmente independente da família.
Só me falta mudar para lá o computador, o sombrero mexicano e a raquete de ténis que está a ganhar pó há tanto tempo... Por falar nisso, talvez agora me dedique ao desporto em questão! É que tenho dois recintos a menos de 200 metros de casa...

Em termos geográficos, a mudança de residência é pouco significativa.



Morava na bandeirinha verde, e passo a residir na vermelha...
 

PS: Quando estiver estabelecido ofereço jantaradas, só tenho é duas cadeiras, e uma delas está reservada a mulheres extremamente belas... 

publicado por Mário às 19:41 | link | partilhar