Viagem à Escócia - Parte 3/5

Acordámos bem cedinho e, depois do pequeno almoço no Ballantrae subimos a St. Andrews Street em direcção à Old Town. Pelo caminho admirámos o grandioso Council Building e o gótico City Pass. Tirámos algumas fotografias no East Princess Street Garden e decidimos tomar o caminho mais difícil para a Royal Mile através da Advocate Close.



Council Building





City Pass





Mário e Joana no East Princess Street Garden, com a Old Town como fundo



Fotografia de grupo gentilmente tirada por um transeunte antes da subida de mais de duas centenas de degraus até à Royal Mile

Depois subimos a Castle Hill, tirámos algumas fotos na Esplanade e entrámos pela porta principal do castelo, onde se podia ler a insígnia "Nemo me impune lacessit" do latim "Ninguém me fere impunemente", mote do extinto Reino da Escócia usado em tempos no seu brasão de armas. Para acedermos ao castelo propriamente dito tivemos de desembolsar 11 pounds (cerca de 12,5 euros) por pessoa, preço justo pois o ex-libris da Escócia, monumento mais visitado pelos turistas naquele país, tem diversos museus e galerias cujo preço está incluído no da entrada. Não entrámos em todos pois o tempo era escasso mas, não podíamos deixar de visitar o National War Museum, com a história bélica do país desde a era tribal até aos recentes conflitos no Médio-Oriente. Vimos, ainda hoje numa posição estratégica defensiva a Argyle Battery, uma colecção antiga de canhões de pólvora debruçados sobre a cidade, apontados à baía de Edinburgh e, a One O'clock Gun, um canhão que é disparado todos os dias às 13 horas desde 1846 (o actual é uma anti-aérea de 105mm). Visitámos a St. Margaret's Chapel, construída em 1130 por David I numa homenagem à sua mãe, a Rainha Santa Margarida e logo em frente, o Mon's Meg. Um canhão de 6 toneladas, cuja construção foi levada a cabo em Mons (Bélgica), tendo feito parte duma oferenda por parte do Duque Phillip da Burgundy em 1449. Não menos curioso é o cemitério dos cães militares, reservado aos cães mais famosos do exército cujos feitos heróicos transformaram-nos em autênticas celebridades.



Dentro do castelo. Governor House à esquerda, ao fundo pela rua abaixo, o National War Museum.



Argyle Battery e a anti-aérea à direita, ao fundo



Barracks



Bandeira Nazi, capturada pelo exército britânico durante a 2ª Guerra Mundial (National War Museum)



Mons Meg




Carlos, Enis e Mário em pose Backstreet Boys



South Edinburgh

Depois da culturalmente rica visita ao castelo, descemos de novo até à Royal Mile, desta vez para almoçar...

(continua)
publicado por Mário às 00:59 | link | comentar | partilhar